ESPLANAR

JOÃO PEDRO GEORGE
esplanar@hotmail.com

terça-feira, julho 18, 2006

 

O aniversário da Fundação

O artigo de Medeiros Ferreira publicado hoje no DN é revelador de uma visão estrangeirada da cultura e sociedade portuguesas no século XX. O autor chega a referir-se ao seu passado de exílio, uma das formas de «estrangeiramento» mais relevantes na história portuguesa. A valorização da acção modernizadora, europeizante, da Gulbenkian em Portugal deixa passar em claro, contudo, um problema que a visão estrangeirada por regra não discute (já Borges de Macedo o notou, em 1974): como influencia a sociedade portuguesa esses esforços europeizantes? Nisto, há todo um conjunto de problemas: qual a coerência desses projectos de modernização inspirados na Europa (grande no caso da Gulbenkian, isso parece claro), quais as relações estabelecidas entre os agentes proponentes da modernização e as instituições do país, etc., etc.
No caso da Gulbenkian, a crítica mais frequente é a do seu fechamento. Justa ou não, merece consideração. A Gulbenkian não resistiu ao «Portugal histórico»? Mas esta não é uma pergunta para fazer na festa, esperemos pelo anunciado livro.
CL



<< Home


--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Arquivo

Julho 2004   Agosto 2004   Setembro 2004   Outubro 2004   Novembro 2004   Dezembro 2004   Janeiro 2005   Fevereiro 2005   Março 2005   Abril 2005   Maio 2005   Setembro 2005   Outubro 2005   Novembro 2005   Dezembro 2005   Janeiro 2006   Fevereiro 2006   Março 2006   Abril 2006   Maio 2006   Junho 2006   Julho 2006   Agosto 2006   Setembro 2006   Outubro 2006   Novembro 2006   Dezembro 2006   Janeiro 2007   Fevereiro 2007   Março 2007  

Outros Blogues

Abrupto
Alice Geirinhas
Álvaro Cunhal (Biografia)
AspirinaB
Babugem
Blasfémia (A)
Bombyx-Mori
Casmurro
Os Canhões de Navarone
Diogo Freitas da Costa
Da Literatura
Espectro (O)
Espuma dos Dias (A)
Estado Civil
Fuga para a Vitória
Garedelest
Homem-a-Dias
Estudos Sobre o Comunismo
Glória Fácil...
Memória Inventada (A)
Meu Inferno Privado
Morel, A Invenção de
Não Sei Brincar
Origem das Espécies
Portugal dos Pequeninos
Periférica
Prazeres Minúsculos
Quarta República
Rui Tavares
Saudades de Antero
Vidro Duplo











Powered by Blogger

This page is powered by Blogger. Isn't yours?