ESPLANAR

JOÃO PEDRO GEORGE
esplanar@hotmail.com

quinta-feira, março 03, 2005

 

Martunis ou o nosso primeiro Mundial

Um dia, isto acontecerá. O futuro, estou certo, prepara uma espécie que comunica por imagens, balões que se formam sobre a cabeça dos falantes exibindo curtas-metragens ou instântaneos do pensamento, da memória, das emoções. E será muito melhor. A compreensão será mais fácil, as ideias mais inesquecíveis; a arte tornar-se-á acessível a qualquer homem; todos os diálogos se processarão num silêncio bom que inspirará a paz. Até as discussões se converterão em turbilhões de fotogramas.
Tudo isto a propósito de dois acontecimentos recentes, provas acabadas de como o ser humano está, por natureza, muito mais preparado para a imagem do que para a palavra: o príncipe Harry envergando um uniforme nazi; o príncipe Martunis salvo das águas, ao fim de 19 dias, agasalhado numa camisola da selecção portuguesa. Um parece falar do mal; o outro do bem. No entanto, nenhuma traz dados novos e é sequer, provavelmente, real. A inconsciência do jovem britânico não corresponde: a) a um sentimento nazi da nação que representa; b) à sua própria convicção - mesmo que ele a tivesse, nunca o assumiria. Quanto ao milagre do jovem indonésio, a) não se deve, como é óbvio, a qualquer característica especial da camisola nacional; b) é bem provável que o pequeno sobrevivente não tenha a menor noção do que traz vestido.
E, no entanto, como somos tocados pelas duas imagens. E como apetece mandar à fava estas considerações teóricas e trocar, de vez, o pensamento pela sensação. Poderíamos, assim, proibir Harry de, alguma vez, ser rei e festejar nas ruas, noites a fio, o nome de Martunis, o nosso primeiro título Mundial.
Alexandre



<< Home


--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Arquivo

Julho 2004   Agosto 2004   Setembro 2004   Outubro 2004   Novembro 2004   Dezembro 2004   Janeiro 2005   Fevereiro 2005   Março 2005   Abril 2005   Maio 2005   Setembro 2005   Outubro 2005   Novembro 2005   Dezembro 2005   Janeiro 2006   Fevereiro 2006   Março 2006   Abril 2006   Maio 2006   Junho 2006   Julho 2006   Agosto 2006   Setembro 2006   Outubro 2006   Novembro 2006   Dezembro 2006   Janeiro 2007   Fevereiro 2007   Março 2007  

Outros Blogues

Abrupto
Alice Geirinhas
Álvaro Cunhal (Biografia)
AspirinaB
Babugem
Blasfémia (A)
Bombyx-Mori
Casmurro
Os Canhões de Navarone
Diogo Freitas da Costa
Da Literatura
Espectro (O)
Espuma dos Dias (A)
Estado Civil
Fuga para a Vitória
Garedelest
Homem-a-Dias
Estudos Sobre o Comunismo
Glória Fácil...
Memória Inventada (A)
Meu Inferno Privado
Morel, A Invenção de
Não Sei Brincar
Origem das Espécies
Portugal dos Pequeninos
Periférica
Prazeres Minúsculos
Quarta República
Rui Tavares
Saudades de Antero
Vidro Duplo











Powered by Blogger

This page is powered by Blogger. Isn't yours?