ESPLANAR

JOÃO PEDRO GEORGE
esplanar@hotmail.com

sexta-feira, julho 09, 2004

 

Cenas da vida de um escritório

Tocam à porta pelas cinco e meia da tarde. O Filipe levanta-se; vai lá ele desta vez. Passado um bom bocado, está de volta com um ar perplexo e sério: «Estão ali umas espanholas a perguntar pelo Casillas...não percebo o que é que elas querem...»
«Pelo Casillas?» «O do Real Madrid?» «Sim, pá.»
«E são giras», pergunto. Ele: «Sim, sim.»
Levanto-me e vamos os dois pelo corredor em rigoroso silêncio. Estavam duas espanholas giras à porta do escritório a perguntar pelo Casillas. A coisa prometia.
Abro a porta e estão de facto duas espanholas, na verdade bem giras, morenas e sorridentes, na expectativa.
«Posso ajudar en algo?»
Queriam saber se era naquele «piso» que se «alquila» um «despacho». Abanei a cabeça, não percebia. Pareceu-me ouvir o Filipe atrás de mim a pensar «eu bem te dizia». Olhava embaraçado: o Casillas não era, mas que raio era? E torturava-me: «como é que se dirá lanchar em espanhol?» Silêncio demorado.
Elas entretanto entreolhavam-se, cada vez mais divertidas.
«Se impuerta de repétir?», insisto.
«Perdona, se alquila aqui un despacho?», diz uma. A outra já só se ria.
Fez-se luz. «Ah...alquila...sim». Sem qualquer noção do adequado à situação, respondi a inútil verdade: «É no andar de baixo, de bajo». Fecho a porta e desatámo-nos a rir.
Rui



<< Home


--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Arquivo

Julho 2004   Agosto 2004   Setembro 2004   Outubro 2004   Novembro 2004   Dezembro 2004   Janeiro 2005   Fevereiro 2005   Março 2005   Abril 2005   Maio 2005   Setembro 2005   Outubro 2005   Novembro 2005   Dezembro 2005   Janeiro 2006   Fevereiro 2006   Março 2006   Abril 2006   Maio 2006   Junho 2006   Julho 2006   Agosto 2006   Setembro 2006   Outubro 2006   Novembro 2006   Dezembro 2006   Janeiro 2007   Fevereiro 2007   Março 2007  

Outros Blogues

Abrupto
Alice Geirinhas
Álvaro Cunhal (Biografia)
AspirinaB
Babugem
Blasfémia (A)
Bombyx-Mori
Casmurro
Os Canhões de Navarone
Diogo Freitas da Costa
Da Literatura
Espectro (O)
Espuma dos Dias (A)
Estado Civil
Fuga para a Vitória
Garedelest
Homem-a-Dias
Estudos Sobre o Comunismo
Glória Fácil...
Memória Inventada (A)
Meu Inferno Privado
Morel, A Invenção de
Não Sei Brincar
Origem das Espécies
Portugal dos Pequeninos
Periférica
Prazeres Minúsculos
Quarta República
Rui Tavares
Saudades de Antero
Vidro Duplo











Powered by Blogger

This page is powered by Blogger. Isn't yours?